Absurdos Camarários em Lisboa

Passadeira que acaba no muro

Andar pela cidade de Lisboa é sempre emocionante. Nunca sabemos o que vamos encontrar. Eis aqui uma prova da inteligência da CML. Uma passadeira que acaba num muro, ali para os lados da Av. Paris.

Devem ter pensado muito e como tinham mesmo que fazer a passadeira lá a pintaram contra o muro. Um pequeno desperdício de tinta e tempo dos contribuintes.

Não será legítimo indignarmo-nos contra a má utilização dos nossos impostos? Deveria haver um dispositivo legal rápido onde, nós cidadãos, pudéssemos apresentar queixa contra as más decisões de gestão dos governos municipais e central. E contra provas deste tipo, inequívocas o processo deveria ser sumaríssimo. Era ir para a rua sem qualquer tipo de indemnização e assunto encerrado.

Sobre Julio Garcia

Interessado em comportamento humano, marketing social, redes sociais, inteligência coletiva e como o design afeta o comportamento. Interest in human behavior, social marketing, social networks, collective intelligence and how the design affects human behavior.
Esta entrada foi publicada em Geral, Lisboa com as etiquetas , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s